Patrícia Polayne destaca importância dos festivais


A cantora e compositora disse ser difícil lidar com a responsabilidade em ser referência para os artistas que tentam, neste ano, repetir a vitória que ela obteve
24/10/2010 - 00:54


Patrícia Polayne dficou conhecida nacionalmente com vitória em festival(Fotos: Portal Infonet)
Antes de encerrar a noite de premiações do Festival de Música da Aperipê, que corresponde à etapa estadual do Festival Nacional de Música da  Associação das Rádios Públicas do Brasil (Arpub), na noite de sábado, 23, a cantora e compositora Patrícia Polayne disse ser difícil lidar com a responsabilidade em ser referência para os artistas que tentam, neste ano, repetir a vitória que ela obteve em 2009.
‘Arrastada’ elevou o nome da intérprete ao cenário nacional da música brasileira. O feito ganhou ainda mais destaque porque na época Polayne havia acabado de lançar seu último trabalho, ‘Circo Singular’.  “Acredito e confio muito nessa nova geração do cenário musical de Sergipe. Festivais como esse nos dão a sensação de que é possível acreditar em si e no sonho que você tem enquanto cantor e compositor”, disse.

Cantora agora é referência para os artistas que participam do Festival
Patríca destacou que em sua trajetória sempre participou de festivais por enxergar neles uma plataforma de lançamento e de consolidação de trabalhos que já vêm se firmando. “É uma oportunidade de mostrar novas idéias, de promover uma nova cena”, confirma a cantora.
Sobre o que mudou após a conquista dos prêmios de melhor música com letra e melhor arranjo ela ressalta a repercussão que a carreira teve com a vitória no Festival Nacional da Arpub. “Minha música ficou conhecida nacionalmente atraindo público e crítica nacionais. Vieram muitos convites. Tive a felicidade de vencer na mesma época do lançamento do disco”, lembra.
Por Diógenes de Souza

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Seguidores