SSP abre inquérito policial para apurar exercício ilegal na advocacia em Sergipe

Secretário-geral informa sobre instauração de três inquéritos policiais para apurar exercício ilegal da profissão


Por: Infonet

A sessão ordinária do Conselho Seccional da OAB em Sergipe realizada nesta segunda-feira, 20, foi marcada por um importante comunicado aos conselheiros. O secretário-geral da entidade, Evânio Moura, informou que a OAB/SE recebeu comunicado da Secretaria de Estado da Segurança Pública, assegurando que a Polícia Civil instaurou três inquéritos policiais para apurar denúncias de exercício ilegal da profissão praticado por estagiários e bacharéis em Direito que não conseguiram aprovação no Exame de Ordem.
Diante das denúncias que chegaram à entidade, a diretoria da OAB/SE procurou a SSP e formalizou pedido de providências para combater o exercício ilegal da advocacia, que vem ocorrendo com frequência em Sergipe. Na ocasião, o presidente da OAB/SE, Carlos Augusto Monteiro Nascimento, entregou ao secretário da Segurança Pública, João Eloy, documentos que comprovam o exercício ilegal da advocacia praticado por estagiários e bacharéis em Direitos, que não conseguiram aprovação no Exame de Ordem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Seguidores