Missão do BID já está em Aracaju

Foto: Silvio Rocha / Divulgação
A capital sergipana é o 11° município do país a receber esse tipo de verba.
Da Agência Aracaju de Notícias
Aracaju (25 jul) - Na manhã desta segunda-feira, 25, o prefeito Edvaldo Nogueira fez a abertura da reunião inicial de discussões técnicas sobre os projetos a serem executados com o empréstimo de U$ 30 milhões concedido pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) à Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). A operação de crédito, formalizada na última sexta-feira, 22, em Brasília, vai permitir a realização de obras importantes para a população aracajuana.
A reunião, que teve a participação de membros das secretarias envolvidas nas obras e representantes do BID, serviu para definir e discutir processos e metas. Durante a abertura, o prefeito de Aracaju ressaltou o empenho da Prefeitura na busca de recursos do banco, que até pouco tempo só liberava empréstimos para a União e os Estados. A capital sergipana é o 11° município do país a receber esse tipo de verba.
"Durante quase quatro anos, passamos pelo processo de elaboração de projetos, discussão de prioridades, adequações e medidas necessárias para ter acesso ao empréstimo. Fazemos parte da primeira leva de municípios que conseguiu romper essa barreira e obter o crédito. E, agora, o mesmo empenho que tivemos durante esses anos para obter o recurso, teremos para aplicar o dinheiro e executar as obras para melhorar a vida da população", disse Edvaldo.
Investimento
Com o empréstimo serão realizadas melhorias na infraestrutura de bairros da Zona Norte, construção de escolas e creches, interligação da Zona de Expansão à Zona Sul e ao Centro, através de uma nova via que irá passar pela ponte sobre o rio Poxim, além da reforma do prédio da antiga Alfândega, no Centro Histórico, onde funcionará a Casa de Cultura. Segundo o secretário de Planejamento e coordenador do projeto em Aracaju, Dulcival Santana, a reunião é o primeiro passo para a execução das obras.
"Estamos iniciando o processo de análise técnica do investimento, em uma reunião inicial de apresentação. Vamos definir as próximas ações a partir de agora, esclarecer dúvidas e agendar a chamada 'missão de arranque', além da série de visitas da equipe aos locais das obras", explica Dulcival.
Trabalhos
O gerente do projeto do BID em Aracaju, o especialista em desenvolvimento urbano Jason Anthony Hobbs, afirma que a prioridade é dar andamento ao projeto para o início das licitações, ordens de serviço e, em seguida, início das obras. O especialista estará na capital acompanhando as equipes até a próxima sexta-feira, 29.
"Vai ser uma equipe multidisciplinar, que vai verificar questões como o impacto ambiental das obras, a missão de arranque, os gastos já efetuados. Nós vamos trabalhar junto à Prefeitura para tirar dúvidas, ajudar na elaboração de editais, para poder dar início à fase de execução das obras com agilidade", afirma Jason.
Presenças
Participaram da reunião os secretários municipais Bosco Rolemberg (Semasc), Telma Pimentel (Fundat), Fabiana Passos (Chefe de Gabinete), Osvaldo Nascimento (Emurb), Antônio Samarone (SMTT), Antônio Bittencourt (Semed), e as representantes do BID, Denise Levi e Carol Harrison.
Fonte: JC.Net

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Seguidores