Agente de saúde é preso por abuso infantil

O caso foi denunciado pela mãe da vítima, que desconfiou da aproximação excessiva do acusado com sua filha.

Aracaju (19 ago) - O Departamento de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) da Polícia Civil prendeu na manhã desta sexta-feira, dia 19, no bairro Siqueira Campos, em Aracaju, o agente de saúde Manoel Messias dos Santos, 34 anos, sob a acusação de abuso de uma criança de 6 anos idade. O caso foi denunciado pela mãe da vítima, que desconfiou da aproximação excessiva do acusado com sua filha.

A prisão de Manoel Messias Santos ocorreu na Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e contou com a colaboração de seus colegas de trabalho, que se chocaram e se indignaram com o fato. Ele vinha se aproveitando da proximidade de anos com a família da vítima (que fornecia refeições a ele), para praticar atos libinosos com a garota e tentar estuprá-la. (Leia mais)

"O acusado ia à casa da menina, para buscar 'quentinhas', e fingia brincar com a jovem para acariciá-la, o que não era notado pela família. Mas um dia, ele levou a menina para o aniversário de sua filha, sem consentimento da mãe da mãe dela. Só que era um pretesto para ficar sozinho com a garota e tentar estuprá-la", disse a delegada Thaís Lemos Santiago, diretora do DAGV.

Manoel Messias é casado e tem filhos. Ele foi autuado no Departamento e está custodiado na carceragem da Delegacia Plantonista da Polícia Civil, no Centro de Aracaju, onde aguardará transferência para uma unidade do Departamento do Sistema Penintenciário (Desipe). "Este caso é um fato isolado e não macula os agentes de saúde", reforçou Thaís.

Da Ascom
Fonte: Portal JC.Net

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Seguidores